Make your own free website on Tripod.com

Página inicial              Fale Conosco

Pesquisas Escolares      

*Ciências
*
História                               
*Geografia
*Português
*Matemática
*Curiosidades Matemáticas

Apostilas

*Word
*Excel
*Power Point
*Conceitos básicos
*Corel Draw 
*Accsess

Dicas de jogos
*Psone
*Playstation2
*Nintendo 64
*Xbox

*Ilusões de ótica

Jogos on-line

*Jogo do pingüim

                Guerra dos Emboabas

A Guerra dos Emboabas foi um conflito entre mineradores paulistas, de um lado, e comerciantes portugueses e brasileiros de outras regiões, de outro, pelo acesso às minas de ouro de Minas Gerais. 
Em 1708, mineradores paulistas e sertanejos se opõem à presença de forasteiros portugueses e brasileiros, chamados de emboabas (do tupi buabas, aves com penas até os pés, em referência às botas dos forasteiros), na zona mineradora de Minas Gerais. Como descobridores das minas, os paulistas alegam ter direito preferencial sobre a extração. Para garantir o acesso ao ouro, os emboabas atacam Sabará sob o comando de Manuel Nunes Viana. Cerca de 300 paulistas contra-atacam, mas acabam se rendendo. O chefe emboaba Bento do Amaral Coutinho desrespeita o acordo de rendição e, em 1709, mata dezenas de paulistas no local que fica conhecido como Capão da Traição. Para consolidar seu controle sobre a região, Portugal cria a capitania de São Paulo e das Minas do Ouro. A Guerra dos Emboabas é o único movimento do Brasil Colônia no qual há participação da classe média.